quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Segurança em navios!

Eu costumo dizer entre amigos, que o que me fez gostar de navios, é o fato de eu me sentir 99% segura. Se você estiver viajando em família, e reparar, não há realmente o que se preocupar enquanto se esta dentro de um navio. As mães provavelmente, que estiverem com seus filhos pequenos, que já andam sozinhos, irão se preocupar com cabines com varandas, elevadores, escadas, nada mais natural. Mas pensando nos filhos já maiores, o navio pode ser associado a paz e tranquilidade.

Ao que diz respeito a objetos pessoais, a atenção se mantêm a mesma, que você teria em um hotel convêncional. Nada de largar seus objetos largados em qualquer lugar. Algumas lojas, dentro dos navios, costumam vender alguns crachas para você guardar o seus cartões de consumo, e assim os manterem presos a você, cartão este que na maioria dos navios (os modernos) será o cartão que abrirá a porta da sua cabine.

Diga-se de passagem, na última viagem me peguei reparando os meus cartões antigos.
Ao receber o seu, note se nele existe o número da cabine. Caso tenha, atenção redobrada, pois se você acidentalmente perdê-lo, e se uma pessoa com más intenções o pegá-lo, poderá se dirigir na sua cabine. Na mesma hora que notar a ausência do mesmo, se dirija a recepção, ela irá desativar seu velho cartão, e irão te dar um novo.

Quanto a objetos guardados dentro da cabine, eu costumo ter o habito de manter a minha mala com cadeado, e documentos e dinheiro no cofre que há dentro do armário. Já tive situações lamentáveis em que notei dinheiro sumindo da minha carteira, e tive a minha mala rasgada. Não que isso vá acontecer com você, mas atenção, repare nas condições da sua bagagem no decorrer do cruzeiro. Eu só fui notar quando já havia desembarcado, e estava longe do porto, e nem pude recorrer. Ao menos as percas foram pequenas.

No mais, ao levar objetos para a piscina, tenha a mesma atenção que você teria em um clube. Na minha visão, uma pessoa que vai para um cruzeiro, vai estar procurando se divertir e curtir aquele ambiente assim como eu, mas não custa nada, não dar sorte para o azar não é?! Nunca ouvi nenhum caso, de roubo nem nada parecido, portanto são apenas recomendações normais, já que em um cruzeiro, você poderá estar viajando com número entre 1500 à 3500 passageiros, ao menos na atual temporada na América do Sul.

No mais, quando você desembarcar nas escalas, não se esqueça de carregar seu cartão da cabine, e identidade, sem eles, você é mais um turista que não faz parte de cruzeiro algum E lembre-se também que a segurança que você pode vir a sentir dentro do navio, pode deixar de existir quando você descer dele. Quando estamos dentro de um navio, esquecemos do mundo, mas a realidade lá fora continua acontecendo. Turistas/cruzeiristas são visados, portanto evite mostrar que você é um tipo de turista deste, para sua própria segurança. Um pouco de malícia e alerta, não faz mal há ninguém.

No mais, uma excelente viagem, e sem dores de cabeça!

Beijos para quem passar por aqui!

ps. Hoje chegou ao porto de Santos o maior navio da temporada brasileira, o lindo e absoluto Costa Concordia.

Posts Relacionados

1 comentários:

Cida 13 de dezembro de 2009 08:40  

O seu querido chegou!!!rs.
Segurança é uma coisa que eu vou me preocupar nesta temporada...vamos em quarto com varanda e os meus gêmeos irão na viagem!!!!
Já vi uma tela de proteção em alguns quartos.É só solicitá-la na recepção?
Não vejo a hora do meu embarque chegar!!!

Ainda quero ter o prazer de fazer outro cruzeiro com vcs Sheee.

Bjs.CIAO!

  © Free Blogger Templates Spain by Ourblogtemplates.com 2008

Back to TOP  

BlogBlogs.Com.Br